Suplementação com probióticos na gravidez pode reduzir risco de obesidade após o parto

A toma de suplementos com probióticos durante a gravidez pode reduzir o risco de a mulher vir a sofrer de obesidade após o período de gestação e de a criança ganhar peso em excesso, segundo um estudo publicado no European Journal of Nutrition. Os probióticos são substâncias que contêm organismos vivos benéficos para a saúde, quando tomados em doses corretas.

Suplementação com probióticos na gravidez pode reduzir risco de obesidade após o parto

Um estudo piloto realizado com uma amostra de 15 mulheres grávidas sugere que a suplementação com probióticos, durante a gravidez, pode ter influência no processo químico de metilação do ADN (ácido desoxirribonucleico), afetando alguns genes "promotores" da obesidade e ganho de peso.

Este efeito abrange tanto as mães como os bebés, traduzindo-se num mecanismo vantajoso para a saúde, a longo prazo.

Benefícios para o bebé
O desenvolvimento da flora intestinal da criança começa no útero e é influenciado pela flora intestinal da mãe. Neste sentido, os benefícios dos suplementos com probióticos na gravidez estendem-se ao bebé, contribuindo para uma evolução de peso mais saudável nos primeiros anos de vida da criança.

Equilíbrio da flora intestinal
Estudos anteriores já tinham demonstrado a influência da flora intestinal (também conhecida como microbiota intestinal) no desenvolvimento de obesidade, evidenciando uma relação entre as bactérias que vivem no intestino, o estado nutricional e o sistema imunitário.

Os probióticos têm a capacidade de restabelecer o equilíbrio da flora, melhorando assim o funcionamento geral do organismo.

Últimas Notícias

Demasiada cafeína na gravidez pode afetar fígado do bebé

Novo estudo indica que a ingestão excessiva de cafeína na gravidez pode prejudicar o desenvolvimento do fígado do bebé e aumentar o risco de doença hepática na idade adulta. 

Exercício-físico na gravidez restabelece principais tecidos do corpo em mulheres obesas

Estudo da Universidade de Cambridge, no Reino Unido, indica que a prática de exercício-físico imediatamente antes e durante a gravidez ajuda a restaurar os principais tecidos do organismo em mulheres obesas, contribuindo para uma melhor gestão dos níveis de açúcar no sangue e reduzindo o risco de problemas de saúde a longo prazo.

Mortalidade infantil atinge valores mais baixos desde que há registo

Segundo dados recentes apresentados pelo Instituto Nacional de Estatística, a taxa de mortalidade infantil diminuiu cerca de 0,7% em 2017, atingindo o valor mais baixo de que há registo em Portugal.

Gargalhadas dos bebés semelhantes à dos macacos

Bebés mais novos riem-se como outros primatas. O ser humano é o único que se ri por meio da exalação, ou seja, o ato de expelir ou soltar.

Estudo sugere que crianças memorizam sons durante a sesta

Cientistas analisaram o que as crianças ouvem ou não durante o sono, concluindo que o ambiente sonoro durante as sestas não passa despercebido e gera memórias.

Subscreva a Newsletter

Receba informação semanal adaptada ao desenvolvimento da sua gravidez.