1 em cada 3 mulheres experienciam compulsão alimentar na gravidez

Um estudo com mais de 11 mil grávidas concluiu que cerca de um terço das mulheres sentem que perdem o controlo sobre a quantidade de comida que ingerem durante a gravidez.

1 em cada 3 mulheres experienciam compulsão alimentar na gravidez

A investigação, cujos resultados foram publicados no American Journal of Clinical Nutrition, indica que cerca de 36 por cento das mulheres da amostra revela perda de controlo na alimentação ao longo do período de gestação. Em 5 por cento dos casos, esta dificuldade é frequente.

Este tipo de compulsão alimentar, se não for tratada, pode conduzir a um aumento excessivo de peso e representar um risco acrescido de o bebé vir a ter problemas de peso a longo prazo.

«O ganho de peso gestacional não apenas coloca a criança em maior risco de obesidade, mas é também um preditor de obesidade na mãe futuramente», indica a investigadora Nadia Micali, da University College London.

O estudo aponta ainda que as mulheres que sofrem deste distúrbio têm tendência a ingerir alimentos menos saudáveis, e geralmente apresentam menores níveis de vitaminas B1 e ácido fólico.

Últimas Notícias

Gravidez e amamentação podem reduzir risco de menopausa precoce, diz estudo

A gravidez e a amamentação exclusiva durante sete a 12 meses podem ajudar a reduzir o risco de menopausa precoce, indica um novo estudo publicado na revista científica JAMA. A menopausa antes dos 45 anos (menopausa precoce) aumenta o risco de morte prematura, declínio cognitivo, osteoporose e doença cardiovascular.

Consumo combinado de álcool e tabaco na gravidez aumenta risco de Síndrome da Morte Súbita do Lactente

As crianças cujas mães beberam e fumaram para além do primeiro trimestre de gravidez têm um risco 12 vezes superior de Síndrome da Morte Súbita do Lactente (SMSL), comparativamente com as crianças que não estiveram expostas a álcool e tabaco ou cuja exposição a estas substâncias se restringiu ao primeiro trimestre de gestação. A conclusão é de um estudo publicado na revista científica online EclinicalMedicine.

Novo algoritmo prevê risco de diabetes gestacional

Um novo algoritmo informático de análise de dados, desenvolvido por cientistas do Weizmann Institute of Science, está a ser utilizado para ajudar a identificar mulheres em elevado risco de desenvolver diabetes gestacional. Esta ferramenta pode ser útil para identificar o risco antes da gravidez ou numa fase inicial do período de gestação, permitindo a adoção de medidas de prevenção da doença, como cuidados nutricionais ou alterações do estilo de vida.

Música poderá estimular desenvolvimento de bebés prematuros

Cientistas do Hospital Universitário de Genebra, na Suíça, tiveram a ideia de   colocar música no serviço de neonatologia, especialmente composta para estimular o desenvolvimento da atividade cerebral dos recém-nascidos prematuros.

Bebé no útero reage à luz antes do que se pensava

No segundo trimestre de gravidez, muito antes de conseguir ver imagens, o bebé consegue já detetar luz.

Subscreva a Newsletter

Receba informação semanal adaptada ao desenvolvimento da sua gravidez.