Calcular o período fértil

Escrito por: Iolanda Veríssimo
Com os depoimentos e revisão de: Texto baseada na informação do Programa Nacional de Saúde Reprodutiva - Direção-Geral da Saúde (DGS) e do portal WebMD

O período fértil do ciclo menstrual corresponde ao intervalo de tempo em que há maior probabilidade de engravidar. Nas mulheres com ciclos regulares considerados normais (28 dias), o período fértil ocorre por volta do 14º dia do ciclo, podendo, no entanto, dar-se mais cedo, ao 10º dia, ou mais tarde, até ao 20 º dia.

Calcular o período fértil class=

Nas mulheres cujo ciclo menstrual não é regular, torna-se mais difícil determinar o período fértil, mas pode fazer-se um cálculo aproximado dos dias mais propícios à fecundação. Dependendo de mulher para mulher, o ciclo menstrual pode variar entre os 23 e os 35 dias. O período em que existe maior probabilidade de engravidar ocorre 3 a 4 dias antes da ovulação e 1 a 2 dias após.

Como se processa a ovulação?
Para conhecer o período fértil e aumentar as hipóteses de engravidar, é importante que o casal adquira uma ideia mais precisa sobre como funciona a ovulação.

A ovulação é o fenómeno biológico de libertação de um óvulo que atingiu a maturidade. Após ser libertado pelo ovário, o óvulo viaja até ao útero, mantendo-se vivo durante cerca de 12 a 24 horas. Para que a gravidez ocorra, o óvulo deve ser fecundado por um espermatozoide durante este intervalo de tempo.
Geralmente um espermatozoide vive até 72 horas no organismo feminino, pelo que se houver relações sexuais nos dias anteriores à ovulação, há tempo para que o esperma viaje pelas trompas de Falópio para ir ao encontro do óvulo.

Métodos para determinar período fértil
Para além da utilização do calendário, existem várias metodologias para determinar o período fértil, desde os métodos de auto-observação, como a medição da temperatura basal e a análise do muco cervical (secreções vaginais), aos bioquímicos, como os testes de ovulação.

Temperatura basal
A temperatura do corpo altera-se ligeiramente ao longo do ciclo menstrual. Seguir as variações de temperatura pode ser uma forma de compreender quando é que o organismo está mais fértil. Para o fazer, deve criar um gráfico da temperatura basal, que contemple as medições de temperatura corporal feitas com um termómetro, desde o primeiro ao último dia do ciclo menstrual. Se está a ser acompanhada por um médico, leve sempre o gráfico consigo para as consultas, o que poderá ajudar o profissional de saúde a ajustar eventuais tratamentos. É também recomendável incluir neste gráfico informação sobre as características do muco cervical. O muco cervical fértil – que apresenta as condições mais favoráveis para os espermatozoides, ajudando-os na viagem até ao óvulo - tende a ser mais transparente, viscoso e bastante elástico.

Teste de ovulação
Os testes de ovulação podem ajudar a determinar de forma mais rigorosa o período em que tem maior probabilidade de ficar grávida, identificando os dias mais férteis de cada ciclo, através da medição dos níveis de hormona luteinizante (LH) na urina. Cerca de 12 a 36 horas antes da ovulação, os níveis de LH aumentam, enviando aos ovários uma mensagem para que estes libertem o óvulo. Assim, um resultado positivo no teste de ovulação significa que a mulher está prestes a ovular. Na maioria dos casos, a ovulação ocorre 12 a 36 horas após o primeiro resultado positivo no teste de ovulação. Contudo, o casal não deve aguardar por um teste de ovulação positivo para ter relações sexuais, até porque, em muitos casos, os dias mais férteis do ciclo dão-se antes mesmo de o teste de ovulação ter um resultado positivo.

Consulte aqui a nossa ferramenta para calcular o período fértil.

Outros Artigos deste tema

Subscreva a Newsletter

Receba informação semanal adaptada ao desenvolvimento da sua gravidez.