Quais as implicações para o trabalho de parto e parto, se o meu peso estiver acima do normal?

Escrito por: Dr.ª Mariana Mouraz, especialista em Ginecologia e Obstetrícia do Centro de Saúde Militar de Coimbra.
Com os depoimentos e revisão de: Adaptado de www.rcog.org.uk/en/patients/patient-leaflets.

Durante as últimas publicações temos visto quais as implicações que o excesso de peso/obesidade podem ter para uma grávida e para o seu bebé.

Quais as implicações para o trabalho de parto e parto, se o meu peso estiver acima do normal? class=

Hoje vamos falar do trabalho de parto, do parto e do pós-parto e de que forma estes podem ser influenciados se o peso estiver acima do recomendado
Se ainda não sabe qual o seu IMC calcule agora em http://www.bmi.name/pt/.

Há um risco aumentado de complicações durante o trabalho de parto e parto, principalmente se o seu IMC for 30 ou mais.

Essas complicações incluem:
• o seu bebé nascer antes das 37 semanas de gravidez (parto prematuro);
• um trabalho de parto mais longo;
• os ombros do seu bebé ficarem "presos" durante o nascimento (distócia de ombros);
• cesariana de emergência;
• complicações na anestesia;
• mais complicações durante e após uma cesariana, como hemorragia abundante e infeção da ferida operatória.

O que pode ser feito para o a alívio da dor durante o parto?
Todos os tipos de alívio da dor poderão estar disponíveis para si. No entanto, uma epidural pode ser mais difícil se tiver excesso de peso. Poderá discutir com o anestesista qual a melhor forma de alívio da dor durante o trabalho de parto.

O que acontece depois do parto?
Após o parto, alguns dos seus riscos continuam. É importante uma vigilância apertada principalmente nos primeiros dias após o parto.

1- Vigiar a tensão arterial
Se teve tensão alta durante a gravidez ou pré-eclâmpsia, tem um risco aumentado de ter hipertensão após o parto e daí a importância de ir vigiando este parâmetro.

2- Prevenção de trombose
Só pelo excesso de peso tem um risco aumentado de trombose por algumas semanas após o nascimento do seu bebé. O seu risco será reavaliado após o parto e eventualmente poderá ter que tomar algumas medidas para reduzir esse risco:
• tente permanecer ativa assim que se sentir confortável - evite ficar parada por longos períodos;
• use meias de compressão, se for indicado pelo médico/enfermeiro;
• se tiver um IMC igual ou superior a 30, poderá receber injeções (tratamento com heparina de baixo peso molecular) por pelo menos 10 dias após o nascimento do seu bebé (pode ser necessário tomar por 6 semanas).

Na próxima publicação vamos falar sobre a amamentação e como planear a próxima gravidez.

Outros Artigos deste tema

Subscreva a Newsletter

Receba informação semanal adaptada ao desenvolvimento da sua gravidez.