Tomar antidepressivos durante a gravidez pode afetar o desenvolvimento cerebral do feto

Escrito por: Michelle Tomás

A ingestão de antidepressivos durante a gravidez poderá interferir no normal desenvolvimento do cérebro do bebé, avançam investigadores do departamento de psiquiatria da Columbia University Medical Center, Nova Iorque.

Tomar antidepressivos durante a gravidez pode afetar o desenvolvimento cerebral do feto

Os antidepressivos são uma ferramenta-chave para o tratamento da depressão. Um estudo publicado na revista JAMA Neurology avança que a ingestão de inibidores seletivos de recaptação de serotonina interfere com o desenvolvimento de duas partes do cérebro do bebé, a amígdala e a insula direitas.

O estudo, que contou com uma amostra de 98 bebés, conclui que as diferenças no tamanho do cérebro estavam associadas à ingestão de inibidores seletivos de recaptação que interrompem os níveis de serotonina em partes fundamentais do cérebro.

A anormalidade no circuito amígdala-ínsula pode estar associada a problemas de ansiedade e depressão no futuro.
O não tratamento da depressão não é aconselhável. A decisão de quando e como tomar os antidepressivos constitui um “dilema clinico” para os psiquiatras.

Últimas Notícias

Consumo excessivo de açúcar durante a gravidez poderá ter influência no desempenho cognitivo futuro da criança

O consumo de açúcar durante a gravidez poderá exercer uma influência negativa nas capacidades cognitivas da criança (memória e aprendizagem), avança um estudo publicado no American Journal of Preventive Medicine.

Metade das crianças na Europa não atinge potencial cognitivo por falta de iodo

Especialistas sublinham que na gravidez as mulheres devem aumentar a ingestão de iodo, fundamental para a produção das hormonas geradas pela glândula tiroide (hormonas tiroideias), essenciais para as várias etapas do metabolismo e desenvolvimento humano.

Estudo realça a importância de adotar um estilo de vida saudável antes da gravidez

Um estudo desenvolvido pela Universidade de Queensland aponta a necessidade das mulheres adotarem um estilo de vida mais saudável antes da gravidez.

Irregularidade nos hábitos de sono aumenta o risco de obesidade nos rapazes

De acordo com um comunicado de imprensa da Universidade de Coimbra, os maus hábitos de sono em crianças do sexo masculino podem aumentar o risco de excesso de peso ou obesidade.

Investigação demonstra benefícios da acupuntura na gravidez

Estudos recentes apontam para os benefícios da Medicina Tradicional Chinesa, nomeadamente da acupuntura, no alívio de transtornos físicos e emocionais da grávida.

Subscreva a Newsletter

Receba informação semanal adaptada ao desenvolvimento da sua gravidez.