O sexo de bebé influencia complicações relacionadas com a gravidez

Escrito por: Michelle Tomás

O sexo do bebé controla os níveis de pequenas moléculas também conhecidas como metabolitos no sangue da mulher grávida. Este facto poderá explicar por que motivo o risco de desenvolvimento de algumas doenças na gravidez variam dependendo de ser um menino ou uma menina.

O sexo de bebé influencia complicações relacionadas com a gravidez

Um estudo desenvolvido por investigadores da Universidade de Cambridge e publicada na revista científica TCI Insights contou com a recolha de amostras de sangue e de placenta de 4 000 mulheres grávidas. Os resultados provaram que o perfil genético das placentas variava consoante o sexo do bebé.

A equipa de investigadores descobriu que um desses genes placentários exclusivamente relacionados com o sexo do bebé controlava o nível de uma pequena molécula chamada espermina. A espermina é um metabolito - uma substância envolvida no metabolismo - que desempenha um papel importante em todas as células e é essencial para o crescimento de algumas bactérias.

As placentas femininas tinham altos níveis de espermina quando comparadas com as masculinas. Isto porque as células da placenta masculina são mais suscetíveis a uma substância que bloqueia a produção de espermina.

A investigação também concluiu que altos níveis de espermina poderão gerar complicações como o aumento do risco de pré-eclâmpsia – hipertensão arterial que surge durante o período gestacional; no entanto, baixos níveis de espermina estão associados a problemas de crescimento fetal.

Este estudo poderá conduzir a novos testes preditivos e, possivelmente, a novas abordagens para reduzir o risco de resultados insatisfatórios da gravidez.

Últimas Notícias

Amamentação protege bebés de bactérias resistentes a antibióticos

Investigadores da Universidade de Helsínquia, na Finlândia, verificaram que crianças amamentadas por seis meses apresentam menor quantidade de bactérias resistentes a antibióticos, no intestino, do que crianças amamentadas durante menos tempo ou que não foram amamentadas de todo.

Cesarianas quase duplicaram em todo o mundo em 15 anos

Investigação aponta para um aumento significativo do parto por cesariana nos países mais ricos por razões não médicas.

Documentário mostra como a tecnologia permite que crianças surdas venham a ouvir normalmente

Atualmente as crianças com problemas de audição diagnosticados à nascença confundem-se tão bem com as crianças que ouvem bem, que a maioria das pessoas não se apercebe da existência de tantas crianças surdas, defendem especialistas.

Especialistas relembram perigos do consumo de álcool na gravidez

A propósito das comemorações do Dia Mundial para a Consciencialização sobre o Síndrome de Alcoolismo Fetal, especialistas internacionais relembraram as razões pelas quais as grávidas não devem consumir álcool durante o período de gestação. 

A importância de amamentar nos primeiros instantes de vida

A Organização Mundial de Saúde (OMS) e a Unicef realçam a importância de amamentar o recém-nascido logo nos primeiros instantes de vida, avança o El País.

Subscreva a Newsletter

Receba informação semanal adaptada ao desenvolvimento da sua gravidez.