A higiene do bebé

Escrito por: Ana Margarida Marques
Com os depoimentos e revisão de: Enf. Catarina Alves, Enfermeira de Saúde Materna e Obstétrica

Saiba quais os principais cuidados de higiene com o bebé, uma forma de criar laços afetivos e estimular a interação.

A higiene do bebé class=

Cuidar do recém-nascido ajuda a promover laços e a transmitir calma e segurança. O momento dos cuidados é também uma oportunidade para criar um ambiente que desperte a curiosidade do bebé pelos objetos, os sons, as vozes, os gestos, refere a enfermeira especialista em Saúde Materna e Obstétrica Catarina Alves. 

Cuidar do recém-nascido ajuda a promover laços e a transmitir calma e segurança. O momento dos cuidados é também uma oportunidade para criar um ambiente que desperte a curiosidade do bebé pelos objetos, os sons, as vozes, os gestos, refere a enfermeira especialista em Saúde Materna e Obstétrica Catarina Alves.

Os ensinos dos cuidados e de supervisão são procedimentos de qualquer maternidade. A mãe e o pai devem estar tranquilos em relação às ajudas que vão receber no hospital. “Os pais devem saber que são eles os mais habilitados para cuidar do seu bebé. São peritos nos bebés deles. A melhor sugestão que posso dar é que se coloquem no lugar do bebé, pois a maior parte das vezes é ele que dá as respostas”, refere a enfermeira Catarina Alves.

O momento do banho

O ideal é serem os pais a dar o banho na maternidade, com a supervisão da enfermeira para ganharem segurança para o fazerem sozinhos em casa.

No início, o banho do bebé deve ser de curta duração, só com água ou óleos próprios, a uma temperatura de 37 ºC. Segundo a enfermeira, durante as duas primeiras semanas o banho deveria acontecer dia sim, dia não. Se estiver muito frio, o banho pode mesmo ser de dois em dois dias. “Os bebés que tomam banho todos os dias acabam por perder as propriedades da pele com que vêm inicialmente para as substituir por químicos. Os banhos frequentes não permitem que o bebé progressivamente tenha contacto com os microrganismos e que vá ganhando defesas. O excesso de limpeza tendencialmente resulta em bebés mais frágeis.”

É importante haver flexibilidade na hora de dar banho ao bebé. “O banho que deveria ser um momento relaxante para todos, por vezes acaba por transformar-se num momento de stresse porque tinha de acontecer àquela hora.”

O banho deve ocorrer num espaço que ofereça conforto e condições para o bebé não arrefecer.

A troca da fralda

Deve ser usado um creme para evitar as assaduras para proteger a pele do bebé, refere a enfermeira Catarina Alves, embora não seja preciso aplicar o creme sempre que se troca a fralda. A frequência da troca da fralda é essencial. Os toalhetes devem ser utilizados em último recurso, porque o seu uso rotineiro causa assaduras. O bebé deve estar com o rabinho ao ar sempre que possível. Para tratar as assaduras, aconselha-se a usar uma pomada com vitamina A e óxido de zinco, que são regeneradores naturais da pele. 

Cuidar do coto umbilical

Não há um consenso quanto ao tratamento do coto umbilical, mas a Organização Mundial de Saúde recomenda que deve ser lavado uma vez por dia. Pode usar-se água, sabão ou o gel usado no banho do bebé. O segredo é secar devidamente a região, com compressas esterilizadas. É também uma área que deve estar ao ar o mais possível. A fralda não a deve cobrir e as faixas umbilicais são desaconselhadas, pois aumentam o risco de infeção. Também o álcool não é recomendado, porque a absorção feita pelo cordão vai atingir o fígado, órgão que no bebé não está preparado para metabolizar o álcool e que, por consequência, atinge o cérebro.

Em média, a queda do coto umbilical ocorre entre o quinto e o décimo dia, altura em que é normal que sangre. “É uma estrutura morta que está ligada a células vivas, portanto quando se destaca é expectável que haja um derrame de sangue.” É importante cuidar primeiro do coto e depois da troca da fralda, para reduzir o risco de infeção. É aconselhado contactar o médico em caso de vermelhidão na zona à volta do coto ou de cheiro desagradável.

Outros Artigos deste tema

Subscreva a Newsletter

Receba informação semanal adaptada ao desenvolvimento da sua gravidez.